...

Precisei colocar a moderação nos comentários por causa de alguns spans que pintaram por aqui.
Você, que não é spam, faça o seu, fique a vontade.
Namastê.

Consagração do ambiente

As previsões feitas nesse blog são gerais, falam do astral do período, não são direcionadas para o indivíduo. Para fazer previsões pessoais, você precisa consultar um(a) astrólogo(a) ou numerólogo(a) e usar seu mapa astral ou numerológico de nascimento. Não estou atendendo consultas até me aposentar, estou em outro trabalho. Faço o blog porque gosto.

O som das Fadas da Noite

quinta-feira, 8 de dezembro de 2016

2017 numerológico 1 : caminho do líder, tempo de ação e coisas novas (comentários para os anos pessoais)

Não existe nenhuma coisa na natureza, criada ou dada à luz,
 que não revele exteriormente a sua forma interior,
 porque tudo o que é íntimo tende sempre a manifestar-se ."
(Jacob Boehme)

O post se divide em 3 partes:
1) Descrição da Energia 1
2) Previsões gerais para o Ano 1, alguns ciclos e os meses
3) Anos Pessoais
(para ver seu Ano Numerológico Pessoal acesse Ano Pessoal Numerológico)

Primeiro ano de mais um ciclo de 9, o Ano Universal 1 é o tempo da criatividade e da confiança em si mesmo.
Quando não está bloqueada, a energia 1 cria constantemente, gerando coisas novas.
Essa energia exige movimento e precisa se expressar.
Quando bloqueada, gera agressividade, egoísmo e desejo de dominar.

Ano 1 é tempo de ser independente, criativo.
As pessoas querem mais liberdade, mais espaço, ousam mais, buscam progresso, se empenham ao máximo e insistem nos seus objetivos.

A energia 1 é um espírito indomável, gosta de estudar e quer sempre saber mais, não tem medo de se arriscar e adora desafios.

É um ano de rapidez, objetividade, criatividade e bom humor.

A cor do 1, no espectro, é Vermelho e todos seus sub tons, do púrpura ao rosa forte.
Na escala planetária é associado ao Sol, a cores são Amarelo e Dourado.

Esse ano favorece e estimula todas as atividades mentais e físicas: estudos, esportes, jogos de raciocínio e lógica, artes marciais, cursos e concursos.

As pessoas buscam liberdade e novidades, há disposição e ousadia para mudar de profissão, de residência, de cidade, etc e começar um novo caminho.

Períodos 1 favorecem o surgimento de novos líderes políticos, nos governos e em vários outros campos.

Embora a vida social esteja estimulada, os destaques são individuais, e não coletivos.

É tempo de plantar, recomeçar, dar os primeiros passos, renascer, pegar a estrada.

1 é o líder, o aprendiz iniciante, o ousado, o guerreiro, o caçador.

Seus personagens principais são os homens, as crianças e os adolescentes jovens, os líderes, chefes, os solitários, os independentes, os soldados, os inventores e gênios criativos, executivos, escritores, artistas independentes, professores, donos de negócios, gerentes, criadores de moda e espetáculos, os que trabalham nos altos escalões do governo.

Esse é um tempo para não se acomodar.
Há muita energia disponível e as pessoas não querem ficar paradas.

Pequenas e grandes mudanças devem acontecer.
Desde inovações na rotina e na vida doméstica até mudanças de rumo nos países e nos governos.

O mundo fica mais agitado, apressado, impaciente, rebelde, trabalhador e bem humorado.
Se por um lado as pessoas trabalham com mais garra para passar os obstáculos, por outro não estarão tolerando muitas restrições.

Algumas pessoas vão preferir se separar do grupo e seguir caminhos solitários, ainda não testados.

A energia 1 alterna entre muitos seguidores e solidão, porque é a energia do líder, que dá seus passos sem olhar para trás, sem perguntar se terá companhia.

Após o período anterior, de sensibilidade e despedidas do 9, agora é o momento de olhar para a frente e correr atrás dos seus sonhos.

Todo o aprendizado do ano que passou vai para dentro e aí fica guardado. Agora vamos botar isso em prática.

Mas a energia 1 também vai ao espiritual, chega aí pelo caminho mental.

No ciclo 1 as lições a serem aprendidas são a humildade, diplomacia, delicadeza.

O perigo do 1 é tanto de arrogância e dominação como o oposto: submissão.
Quando 1 se submete, torna-se infeliz e amargo.
Por isso, deve também aprender a usar o caminho do meio: ousar e conquistar, e manter a elegância.

Para isso, é fundamental aprender a primeira lição da energia 1: confiar em si mesmo.
Quando confia em si mesmo, a energia 1 não sente necessidade de dominar a ninguém, e concede a todos a mesma liberdade que exige para si.

Outra grande necessidade dessa energia é de se expressar.
Nos ciclos 1 se destacam os escritores, artistas e criadores de espetáculos, além dos políticos e chefes.

Originalidade também é uma palavra importante nesse ciclo.
A energia 1 é única: não se repete, e não copia.

Por isso, para quem tem 1 no caminho do destino, nem sempre aproveita os frutos de suas criações: assim que vê os primeiros brotos, segue adiante para criar mais.
Os outros aproveitam mais do que aquele que criou.
Por isso, atrai seguidores - mas esses nem sempre conseguem acompanhar seu ritmo, e por isso também o caminho 1 tem períodos de solidão.

A tendência é de as pessoas mostrarem mais suas características que as tornam únicas ou especiais, e expressarem isso de alguma maneira, durante o Ano Universal 1.
Para não ficarem frustradas, essas pessoas precisam unir a criatividade com a habilidade, ou seja: desenvolver seus talentos através do estudo teórico e da prática.

Durante o Ano Universal 1 as soluções mais eficazes serão as que não forem copiadas ou repetidas do passado, mas aquelas que inovam, ousam e abrem portas.

Ano 1 também é o momento de tirar o pó de nossos potenciais não aproveitados.
Quando há auto confiança, esses potenciais se manifestam tanto na maneira de preparar o almoço como até compondo uma sinfonia.

Quando a energia 1 libera sua criatividade e seus potenciais, produz um campo magnético e mágico em torno de si, que atrai as outras pessoas sem se dar conta.
Assim surgem os líderes.

A energia 1 tem alta qualidade mental e alta qualidade animal.
Além dos estudos, atividades mentais e desafios lógicos, é necessário o contato com a natureza, as plantas e os animais: tudo o que cresce lhe atrai.
Conviver com árvores e animais acalma essa energia.

Os exercícios físicos ou caminhadas liberam suas tensões e também são necessários: nos ciclos 1 temos tendência de acumular tensões e stress, e explodir impulsivamente.
Para que isso não aconteça, é fundamental manter atividades físicas constantemente, conforme sua capacidade.

1 tem altos índices de magnetismo e energia sexual.

Como tudo na vida, a energia 1 é vivida em vários níveis, conforme o progresso individual de cada ser.

Como energia de início, o Aprendiz: indica novidades, ousadia, novo emprego, mudança de casa, de cidade, etc

Como energia de concentração, a Unidade: indica as coisas originais, diferentes, únicas e que não se repetem. As invenções e as descobertas.

Como energia de ousadia, o Líder: indica mudanças importantes, novos rumos mundiais.

Negativo, indica guerras, confrontos, dominação e agressividade, egoísmo e falta de sensibilidade.

Ciclos do Ano Universal 1 - 2017
Previsões gerais e para os meses


Energias adicionais 3, 8, 2/11 e 9.
Desafios 1, 6 e 5.

Cores do ano: Vermelho (principal) Amarelo e Dourado (secundárias).

Esse ano tende a trazer grandes novidades, se conseguir manter a organização e concentração, evitando as distrações.
Tende a surgir lideranças femininas importantes.
É preciso estar aberto e ser flexível para lidar com muitos imprevistos e surpresas, principalmente no segundo semestre - as maiores tensões estão aí.
Diálogos e paciência unidos à força interior e auto confiança levam ao sucesso e evitam rupturas importantes, guerras, etc
Grandes e importantes acontecimentos ligados a mulheres.
No segundo semestre, até o final do ano, sucesso de liderança importante, feminina ou masculina.
As maiores lições desse ano são a tolerância, convivência entre as diferenças, adaptabilidade, auto confiança para mostrar ideias novas e diferentes, adaptabilidade e flexibilidade.
O primeiro semestre é focado na vida material e social.
O segundo semestre é focado no aprendizado, na mente, relacionamentos e e despertar espiritual.


Energia do Milênio: 2
Energia feminina.
Sucesso depende da persistência, força interior, capacidade de dialogar e de se unir.
As coisas são feitas a longo prazo, e lentamente.
Aos poucos, a mulher vai retomando sua importância na sociedade.

Energia do Século: 0
O potencial - 0 é tudo, nada, qualquer coisa pode despertar.
Por isso é a energia mais livre de todas: depende da nossa intenção e esforço pessoal.
Pode ficar estagnado, se formos passivos.
Esse número contém, em potencial, todos os outros, é como um ovo, ou uma semente.

Energia da Década: 1 e 10
O mundo busca novas direções. Precisa de lideranças genuínas.
Perigo de ditadores e tiranos.
Positivo, novos caminhos, avanço e progresso.
Despertar coletivo, ampliação da consciência, novos conhecimentos.
Negativo, atrasos, retrocessos e perdas, guerras.

Energia do Ano: 7
Introspecção. Seletividade. Medicina.
Sucesso depende de uma boa estratégia, visão abrangente e de longo prazo, paciência, aperfeiçoamento.
Durante esse ano, selecionamos as lições mais importantes desde o início do ciclo, para colocarmos na vida prática.
Financeiramente difícil, favorece a poupança e é preciso estar organizado.
Com essa energia, o dinheiro vem atrás da vocação. Correr atrás de lucro sem amar seu trabalho traz perdas.
Novas doenças e novos remédios.
O mundo fica desconfiado e cauteloso.
É preciso trabalhar o interior, para que o exterior tenha sucesso: limpar mágoas e raivas passadas, frustrações, etc
As questões internas dos países serão mais importantes do que as externas.
Principais questões a serem trabalhadas: comportamento, costumes, nível de estudo e conhecimento do povo, saúde pública, tolerância com as diferenças de pensamento, cultura, etc
Espiritualmente se relaciona com a magia, rituais e estudos.

Ano Universal 1: inicia um novo ciclo de 9 anos.
Os primeiros passos para novos caminhos são dados aqui.
Lideranças importantes: surgem novas lideranças, e os governantes precisam dialogar, caso contrário há enfrentamento.
Positivo: progresso, avanço, liberdade, independência.
Negativo: liderança negativa, submissão, frustração.

PREVISÕES   PARA   OS   MESES

1) janeiro, fevereiro e março/2017: energia 3 com desafio 1
Ciclo agitado, intenso, muitos acontecimentos ao mesmo tempo, tendência a se distrair.
Bom humor, disposição agradável para resolver conflitos.
Tendência a criticar em excesso, dificuldade para fazer coisas novas.
As novidades recebem pouco apoio, devido ao pensamento intransigente, rígido e fechado.
O medo é o maior desafio: medo de ser independente, considerado muito diferente, enfim, de assumir a si mesmo. Isso faz com que as pessoas sigam conselhos, grupos, etc apesar de não se sentirem muito confortáveis, sem questionar nada.

JANEIRO, mês universal 2:
O ano começa tranquilo, com poucas novidades.
Esse é um mês para curtir os amigos mais íntimos e a família, para ficar mais em casa, descansar ou meditar.
Bom para fortalecer e aprofundar os relacionamentos, buscar intimidade e aconchego.
Favorece tudo o que se relaciona com a casa, imóveis, vida doméstica e assuntos femininos.
Financeiramente estimula economia, poupança e organização financeira.
Estamos mais sensíveis.
Não se feche demais.
Favorece as compras planejadas, fazer estoques e a organização interna pessoal, doméstica ou do trabalho.
Tempo de juntar, colecionar, fazer estatísticas, planejar, organizar, estocar.
No mundo, acordos de paz ou guerras declaradas.

FEVEREIRO, mês universal 3:
Fevereiro é agitado e mais divertido, com mais vida social e passeios.
Favorece os passeios e os estudos, os encontros com amigos e os românticos.
Mês de grandes ideias, e muita conversa.
Novos amigos, diversões.
Bom para sair da sombra, mostrar seus talentos e aproveitar oportunidades que passam logo.
Financeiramente tendência a irresponsabilidade, gastos impulsivos, mas favorece o lucro e o comércio.
Favorece todas as atividades sociais e públicas, e as mentais.
Muita futilidade.
No mundo, reuniões de lideranças, fofocas de artistas e pessoas famosas nas mídias.

MARÇO, mês universal 4:
Março é arrastado e lento, é um mês de trabalho, e de se organizar.
Formar uma base a partir da qual pretende trabalhar seus objetivos durante o ano.
Favorece todos os consertos, organizações e detalhes, revisões.
Seja persistente, mas não se acomode.
Mantenha-se em alerta para pegar as oportunidades de crescimento nos pequenos detalhes, aparentemente insignificantes.
Organize-se.
Tempo de criar raízes, buscar estabilidade, fazer sua base para o ano todo, deixar tudo funcionando.
Favorável para coisas a longo prazo, tudo o que você quer que dure e demore para terminar.
Financeiramente parado e sem novidades, favorece pequenos ganhos e organização do dinheiro.
Esse mês favorece a descoberta de defeitos e segredos, com a finalidade de serem consertados.
No mundo, questões internas se sobrepõe às externas.


2) abril, maio e junho/2017 : energia 8 com desafio 6
Grande possibilidade de melhora financeira.
Isso só será possível se for mantida a disciplina e organização.
Detalhes são muito importantes.
Necessidade de foca no coletivo, mais do que no individual.
Tendência ao egoísmo.
A capacidade de recuperação está intimamente relacionada com a capacidade de manter a união.
No mundo, possibilidade de guerras ou fortes disputas pelo poder financeiro, mas também notícias de recuperação financeira.

ABRIL, mês universal 5:
Abril é um mês de abertura e oportunidades.
Não seja rígido, pois a rotina sofre mudanças de última hora.
Seja organizado e deixe algum tempo livre extra.
É tempo de mudanças.
Mês cheio de imprevistos e surpresas, corrido, apressado.
Os problemas se resolvem logo, tudo é muito rápido, e as oportunidades também vão embora logo se você não as segurar.
Nem tudo que começa aqui vai criar raízes, algumas coisas acontece apenas para abrir a mente, dar conhecimento e aprendizado.
Bom para se divertir um pouco.
Cuidado com a impulsividade e a pressa, excesso de atividades e distração.
Financeiramente instável, com altos e baixos.
O sucesso depende da capacidade de se adaptar rapidamente.
No mundo, instabilidade em alguns lugares, festa e diversões em outros.

MAIO, mês universal 6:
Maio é um mês de pequenas responsabilidades extras, domésticas, comunitárias ou sociais.
Tempo de equilibrar a balança e organizar a vida, harmonizar os opostos, fazer acordos.
A vida gira em torno da família, da casa ou da comunidade próxima.
As pessoas querem se apresentar com elegância, se tornam mais diplomáticas.
Buscam a beleza, interior e exterior.
Nesse mês a vida social é enfatizada.
Assuntos técnicos, relacionados com saúde física e emocional e acordos são os principais desse mês.
Cuidado com excesso de crítica e idealismo.
Bom para organizar as finanças, receber e quitar dívidas.
Muitos casamentos, ou separações.
Favorece as artes, e tudo o que se relacionar com beleza.
Financeiramente favorece as compras planejadas.
Cuidado com fofocas e intromissões em sua vida, e evite fazer isso com os outros.
No mundo, momento importante de união ou ruptura.

JUNHO, mês universal 7:
Junho é um mês introvertido, bom para se recolher e pensar na vida.
Buscamos profundidade e conteúdo, mais do que aparência.
Favorece os estudos e pesquisas.
Descoberta de segredos, talvez escândalos.
Espionagem.
Financeiramente, é bom para fazer poupança, guardar e organizar o dinheiro, ruim para investir.
As pessoas ficam mais sensíveis, inseguras e tímidas.
Nos relacionamentos, tendência a ficar mais seletivo, buscando afinidades espirituais, culturais ou mentais antes de qualquer intimidade.
Estimula a espiritualidade e os insights.
No mundo, se refere aos assuntos secretos, notícias sobre saúde, remédios, epidemias, poluição, e questões sobre as águas e mares.

3) julho, agosto e setembro/2017 : energia 2/11 com desafio 5
No segundo semestre é possível que se sobressaiam lideranças políticas, religiosas, místicas ou científicas, principalmente no último trimestre, mas o processo começa agora.
Esse é um ciclo de mudanças e surpresas, acidentes, transtornos climáticos, etc
É preciso estar organizado e ser paciente, para lidar com a quantidade enorme de informações novas a cada dia.
Financeiramente esse ciclo favorece o acúmulo, estoque, poupança e compras bem planejadas.
A energia 2 mostra alguns tempos de paz e tranquilidade, favorável para lidar com assuntos internos e domésticos, e também tudo que é feminino.
A energia 11 mostra imprevistos, geralmente favoráveis, favorece a magia, a ciência e os gênios.
Ambos (2 e 11) favorecem a intuição e os insights.
A energia 11 é muito forte, agitada, como a eletricidade, deixa as pessoas cansadas e até exaustas, fazendo com que se refugiem na energia 2 e busquem um pouco de solidão, paz e descanso. As duas se alternam nesse período.
No mundo, provavelmente o período mais delicado do ano, onde são feitos acordos e parcerias, ou declaradas as guerras.

JULHO, mês universal 8:
Mês de transformações, principalmente materiais.
Ótimo para recuperar situações difíceis ou prejuízos.
Ótima disposição para trabalhar.
Conquistas importantes.
Líderes se sobressaem.
Grandes negócios e grandes lutas.
Favorece os empreendedores e os esforçados.
Tempo de colher frutos de seu trabalho nos meses anteriores.
Ótimo mês para divulgar seu trabalho e conseguir apoio e clientes.
Bom para ousar financeiramente, mas de maneira planejada.
Mantenha a concentração, cuidado com a distração, porque nesse mês os detalhes são mais importantes, e é por eles que se ganha ou se perde muito.
A arrogância será punida.
Esse é um ótimo momento para retomar projetos dados como perdidos, reatar relacionamentos.
No mundo, acordos financeiros ou uniões importantes, entre países ou entre grandes empresas.

AGOSTO, mês universal 9:
Agosto é um mês agitado e público.
Muita abertura, mas instabilidade.
Não favorece começar nada, mas concluir as coisas.
Bom para cuidar de detalhes, dar o toque final.
A vida é pública e social.
Descoberta de segredos, invenções novas, ou grandes escândalos.
Espiritualidade.
Mês de colheita ou aprendizado, recompensas ou perdas, onde a vida pública ganha destaque a quase nada permanece em segredo.
Nesse mês e mente e as emoções estão fortes. As pessoas ficam mais sensíveis e impulsivas.
Grandes gestos de amor, ou de raiva.
Estímulo às atividades públicas com grande concentração de pessoas: comícios, shows, etc
No mundo, a questão religiosa e dos estrangeiros, intercâmbio ou guerra de culturas, questões de fronteiras e de ensino/educação.

SETEMBRO, mês universal 1/10:
Esse é um mês de altos e baixos, com mudança de direção.
Oportunidades, abertura, sucesso, progresso.
Favorece as realizações materiais.
Também as pessoas independentes, empreendedores, e autônomos.
Mês agitado, no sentido de ninguém querer perder tempo com questões abstratas, as pessoas sem paciência para esperar, busca de soluções rápidas e práticas.
Bom humor.

No mundo, mudanças importantes em alguns governos, atuação forte de lideranças. Novo ciclo, busca de novos caminhos e soluções diferentes.

4) outubro, novembro e dezembro/2017: energia 9 com desafio 5
Esse também é um ciclo delicado, mais por causa de sensibilidade à flor da pele.
É preciso canalizar a sensibilidade e não ser impulsivo, pois os imprevistos estão desfavoráveis.
Possibilidade de acidentes e problemas no clima.
Muitas atividades públicas e vida social.
Problemas com viagens.
É um ciclo idealista, onde se busca o bem comum e a harmonia social, mas é preciso equilibrar o sonho com a realidade e se manter organizado, pois há muitos imprevistos, mudanças de última hora, emergências, surpresas agradáveis, etc
Assuntos que se arrastaram durante o ano, chegam a um final.
Tempo de se despedir, desapegar, estar aberto e flexível, se adaptar.

OUTUBRO, mês universal 2/11:
Mês introspectivo, mas com altos e baixos.
Tempo de guerra, ou de paz, conforme a capacidade de dialogar e compreender os outros.
É preciso aliar a criatividade com a sensibilidade e fazer as coisas em conjunto.
As ações independentes não estão muito favorecidas.
Favorece o comércio, todas as trocas (inclusive energéticas), relacionamentos e cooperação.
Casamentos, uniões ou rompimentos súbitos.
Mês de alternâncias entre demoras e muita rapidez.
Capacidades psíquicas, intuição, inshts, ideias geniais.
No mundo, os diplomatas, os negociadores e os grandes julgamentos se sobressaem, e também as mulheres.

NOVEMBRO, mês universal 3:
Vida movimentada e um pouco indisciplinada.
Bom humor. Leveza.
Tempo de se expressar, se aperfeiçoar, encontrar com os amigos.
As pessoas estão muito ocupadas e fazendo várias coisas ao mesmo tempo.
Imprevistos em viagens.
Grande energia mental, que estimula estudos, leituras e todo o tipo de conhecimento e troca de informações.
Tendência de encontrar apoio, público, clientes, etc para levar adiante seus projetos.
A energia 3 é uma das mais agradáveis, divertidas e cheias de sorte.
Cuidado com extravagância.
Aceite os convites sociais, eles estão cheios de oportunidades.
É preciso fazer algumas pausas para descansar o corpo e organizar a mente, pois muitas informações e acontecimentos estão presentes ao mesmo tempo.
No mundo, tempo de soluções positivas, importância da mídia e das viagens.

DEZEMBRO, mês universal 4/13:
Tendência a se sobrecarregar de trabalho e se apegar em detalhes.
Tempo de seguir as regras e a rotina, rituais, esquemas, protocolos.
Bom para lidar com assuntos técnicos, trabalhos considerados chatos, organização interna, consertos, burocracia.
As pessoas ficam mais exigentes e rígidas. Procure não se fechar demais. Não seja intransigente.
Mas aproveite a energia prática desse mês para formar uma base estável ou para remover os obstáculos mais difíceis.
A energia 13 é cármica, e está ligada a perdas, rompimentos e cortes daquilo que estava atrasando ou limitando a vida.
Bom para romper com padrões negativos.
No mundo, novidades relacionadas com tecnologia, construção de imóveis, química, agricultura. Destaque para as lideranças conservadoras e nacionalistas, apegadas à tradição e ao passado.


2017 para os Anos Pessoais

Para saber seu Ano Pessoal é bem simples: some o dia do seu aniversário + mês do aniversário + 2017 (=1).
O resultado, reduzido de 1 a 9, é seu Ano Pessoal.
Mais detalhes no post "Ano Pessoal Numerológico" e também "Meses Pessoais Numerológicos".
Para previsões personalizadas e mais profundas, consulte um numerólogo(a).

ANO PESSOAL 1: Ano de novidades, tomar a iniciativa, fazer tudo pessoalmente, liderar. Bom para fazer mudanças importantes na vida. Cuidado com a pressa e irritação, sobrecarga mental. Bom para estudar, provas, concursos, novos estudos, etc. Sua tentação é largar projetos pelo caminho. Procure selecionar o que é mais importante e levar adiante até o final, sem desistir. Melhor tomar suas próprias decisões, deixando os conselheiros para depois, esse ano. Não conte com muita ajuda, embora o Ano Universal 9 favoreça a coletividade. Também não se repita muito, tente algo diferente e inovador em sua vida. Estará com a personalidade mais forte e poderosa, cheio de energias. Cuidado para não ser autoritário, antipático difícil de conviver. A espiritualidade é capaz de domesticar você. Financeiramente você está mais ousado.
Você estará com energia dobrada.

ANO PESSOAL 2: Continuação de coisas iniciadas no ano anterior, agora é o momento de aperfeiçoar e fazer ajustes. Terá que lidar melhor com as oposições aos seus planos. Bom para casar, ou para separar. Assuntos domésticos em evidência. Cuide para não se isolar e depois se sentir solitário. Bom para descansar. Encontrará mais felicidade na calma. Assumir grandes responsabilidades não é coisa boa para esse ano. Viverá melhor se seguir o grupo, mas procure não ser tão submisso ao ponto de se anular. Sua felicidade vem de relacionamentos íntimos, familiares e casamento. Nas finanças, estagnação e continuidade, mas favorece quem fez poupança para adquirir imóveis ou gastar com a casa onde mora.
Você vai achar esse ano muito agitado, mas lhe favorece financeiramente.

ANO PESSOAL 3: Momento de expansão e sorte. Bom para criar, multiplicar. Favorece as amizades, festas, estudos, contato com o público. A vida flui mais fácil e otimista, você encontra solução e saída para tudo o que aparece. Momento leve, descontraído, não deixe passar em branco. Cuidado com a superficialidade, o excesso de crítica e a fofoca. Boas oportunidades aparecem, a mente se abre. Também é um ano de mais sensualidade. Sua felicidade consiste em compartilhar alegrias, rir muito e conversar bastante. Nas finanças, melhora e crescimento.
Novos amigos, sucesso em publicidade e na vida social.

ANO PESSOAL 4: Ano de trabalho e paciência. Os meses passam devagar. É importante esse ano para estabilizar o ciclo, formar uma base forte para os próximos 5 anos. Cuidado com o cansaço, sobrecarga de trabalho. É preciso cuidar da saúde nesse ano, pois a tendência é pensar mais no trabalho e no dever do que em si mesmo. Relacionamentos tradicionais e conservadores, pouca vida social, busca pessoas íntimas e conhecidas, ou familiares. Assuntos domésticos são importantes também. Bom ano para consertar e organizar a vida e suas coisas. Sua felicidade vem de se sentir seguro, estável e firme. Financeiramente, um ano parado, mais voltado para a sobrevivência e manutenção.
Os assuntos domésticos estarão em primeiro lugar.

ANO PESSOAL 5: Anseio por liberdade, pouca paciência, pressa. É um ano agitado, instável, mas com muita abertura. Nem tudo o que se inicia aqui cria raízes, mas também algumas coisas que surgem de imprevisto se mostram como ótimas oportunidades mais adiante. Favorece as atividades mentais, os estudos e a vida social. Aumenta o desejo de viajar e conhecer pessoas novas. Tendência a mudar muita coisa, mas tenha cuidado antes dessas mudanças, não mude rápido demais, reflita antes. Nas finanças podem aparecer ótimas oportunidades de crescimento e melhoria, mas como esse é um ano confuso, contraditório e surpreendente, pense antes de gastar e investir, e cuidado ao assinar coisas com pressa. Cuidado com excesso também. Sua felicidade vem de se sentir livre, surpreender bem e ser bem surpreendido. Esse ano termina ao contrário do que como começou.
Novidades no amor.

ANO PESSOAL 6: Período para organizar a vida. Geralmente somos chamados em várias direções diferentes durante esses ciclos. Ficamos mais afetuosos, sentimentais e sonhadores também. Mas pode acontecer sobrecarga de trabalho e atividades. Pense antes de sair assumindo responsabilidade por tudo o que aparece. Outro ano bom para casar, ou para separar. Estamos mais abertos a dialogar buscando a paz, mas os rompimentos também podem ser definitivos e oficiais aqui. Outro ano bom para consertar a vida, sua casa, suas coisas, relacionamentos, etc. Cuidado com a mania de perfeição e com o ciúme. Bom para cuidar da saúde, fazer exames, mudar hábitos. Sua felicidade vem do casamento e dos bons relacionamentos próximos, além de viver em um ambiente aconchegante e agradável. Financeiramente, um ano para buscar equilíbrio. Pode haver crescimento e melhorias também, mas é necessário equilibrar a contabilidade.
Mudanças no trabalho, ou de emprego. Estimula atividades envolvendo animais de estimação.

ANO PESSOAL 7: Um ano mais espiritual ou abstrato do que material. Não busque o dinheiro como um fim, pois ele fugirá de você. Se estiver mudando seu caminho, busque sua vocação e o dinheiro lhe seguirá. Não é um ano bom para tomar decisões muito importantes ou radicais, é mais para refletir, estudar, planejar. Nos relacionamentos, muita sensibilidade, só sensualidade não basta, é necessário afinidades culturais ou espirituais. Período de bastante aprendizado naquilo que você busca, seja espiritual, profissional, relacionamentos, etc. Pouca vida social, se mantém em círculos fechados ou solitário. Sua felicidade vem de aprender e descobrir a verdade, e encontrar pessoas que lhe compreendam e lhe possibilitem compartilhar seus pensamentos. Financeiramente, favorece a poupança.
Mudanças nos relacionamentos. Volta de pessoas ou situações do passado.

ANO PESSOAL 8: Esse é um ano de transformações importantes. Mas elas não vem de fora, são provocadas por você. Por isso, todo o trabalho e esforço pessoal é muito bem recompensado aqui, mais do que nos anos anteriores. As distrações e irresponsabilidades também, são punidas mais severamente com perdas importantes. No ano anterior iniciou a parte espiritual do ciclo, e nesse ano ela é aprofundada, com insights e prática. Muito bom para cuidar saúde, fazer cirurgias e tratamentos importantes. Vida social e relacionamentos estimulados. Sua felicidade vem de se sentir em uma posição de poder e não precisar ser liderado por ninguém, além de buscar justiça e equilíbrio sempre. Financeiramente pode ter altos e baixos, mas se tiver objetivo definido e for persistente a tendência é mais altos do que baixos.
Bom para cuidar da saúde, descobrindo pequenos problemas antes que se tornem grandes. Favorece financeiramente.

ANO PESSOAL 9: Ano de conclusões e finalização, de recompensa ou aprendizado. As coisas aqui aparecem e ficam públicas. Extremos entre isolamento e vida social/trabalho em excesso. Popularidade, fama. Vontade de viajar. Contato com estrangeiros e outros países, aprendizado de idiomas. Aprofundamento espiritual, mas agora não é privado, é compartilhado com seu grupo. Generosidade e compaixão fazem parte desse ciclo. Quando estamos finalizando um ciclo, é importante deixar algumas coisas para trás, e só poderemos realmente nos soltar se conseguirmos perdoar algumas coisas ou pessoas (daí ficamos realmente livres) e principalmente a nós mesmos.Sua felicidade vem de transmitir seus conhecimentos, ensinar e ajudar as pessoas, influenciar os pensamentos delas e ter um caminho espiritual seu. Favorece os estudos de todos os tipos. Financeiramente, é uma colheita: pode acontecer promoções, aumento de salário, ou ao contrário, perdas e rompimentos.
Favorece todos os assuntos públicos, sociais, estrangeiros e jurídicos.

ANO PESSOAL 11: É um ano para confiar na sua intuição. Não espere que todos lhe compreendam, e não tente transmitir suas ideias caso perceba que o outro não terá o seu alcance. No ciclo 11 vamos para outras dimensões. Só vive um Ano Pessoal 11 quem já tem 11 no seu nome ou data de nascimento, já convive com essa vibração. Quem não tem, vive o Ano Pessoal 2. Mesmo para quem tem, é uma vibração mentalmente cansativa e estressante. Muitas vezes as coisas são percebidas antes e quando você compartilha isso não é compreendido, podendo ser desprezado, hostilizado ou ridicularizado, para algum tempo depois assistir aquilo que você tinha visto virar uma moda. Tenha paciência. É um ano de iluminação para você, mas não favorece as finanças e nem as coisas materiais. Poderá ficar bem mais sensível, emotivo e nervoso. Relaxe sempre que puder. Terá novas ideias, verdadeiras revelações, e nem sempre isso poderá ser compartilhado. As coisas práticas e conquistas materiais desse período estarão ligadas a pessoas que você se associa, principalmente se elas forem pessoas práticas. 11 se dá muito bem trabalhando como conselheiro ou assessor de alguém materialista. Sua felicidade vem de se sentir compreendido e apoiado. Financeiramente o ano é instável, tome cuidado.
Vida pública e social estimulada, apoio e oportunidade de realizar seus sonhos.

ANO PESSOAL 22: Ano para servir desinteressadamente. O dinheiro vem atrás de você, não precisa persegui-lo. Suas realizações tendem a crescer mais do que você espera e ultrapassar fronteiras. Tudo o que você fizer tende a ficar enorme e conhecido por todos, lhe trazendo reconhecimento e dinheiro em troca. Só vive um Ano Pessoal 22 quem já tem 22 no seu nome ou data de nascimento, já convive com essa vibração. Quem não tem, vive o Ano Pessoal 4. Mesmo para quem tem, é uma vibração cansativa, física e emocionalmente. Os maiores acontecimentos são nos relacionamentos e nas finanças. Quanto maior o número de pessoas beneficiadas, maior será seu sucesso. Muita atividade pública e pouco tempo para si mesmo, equilibre isso. Favorece empresários, grandes empresas. Mas tudo o que for muito pessoal ou egoísta tende ao fracasso e, nesse caso, vai vibrar como 4, somente na rotina. Seus interesses e atividades nesse ano são internacionais e impessoais, ultrapassam fronteiras. Se sente feliz ao sentir que realizou algo importante e que ficará marcado beneficiando pessoas. Financeiramente o ano é de crescimento.
Grandes oportunidades.

Namastê.

Nenhum comentário: