...

Precisei colocar a moderação nos comentários por causa de alguns spans que pintaram por aqui.
Você, que não é spam, faça o seu, fique a vontade.
Namastê.

Consagração do ambiente

As previsões feitas nesse blog são gerais, falam do astral do período, não são direcionadas para o indivíduo. Para fazer previsões pessoais, você precisa consultar um(a) astrólogo(a) ou numerólogo(a) e usar seu mapa astral ou numerológico de nascimento. Não estou atendendo consultas até me aposentar, estou em outro trabalho. Faço o blog porque gosto.

O som das Fadas da Noite

domingo, 4 de outubro de 2009

O Mês de Libra : o caminho entre as Duas Linhas de Força

O MÊS DE LIBRA

Sol em Libra ilumina as qualidades de beleza, harmonia, equilíbrio, justiça, paz e união.

Libra inicia a Primavera no nosso Hemisfério (Sul), e o Outono no Hemisfério Norte.

É o primeiro signo social, Virgem foi o último individual (a última oportunidade de aprimoramento pessoal, de aperfeiçoar o Eu).
A planta que estava fechada em Virgem, se abre para o mundo, em Libra.

Até Virgem aprimoramos nosso Ser principalmente através do trabalho, dos serviços, da humildade, da atenção aos detalhes do cotidiano da vida e ao nosso corpo físico; analisamos e categorizamos a vida em diversas partes, dando a cada parte o seu lugar e prioridade.

Agora, sabemos exatamente quem somos, como diferimos dos outros e das coisas do mundo e começamos a crescer separadamente.

Chega o momento em que a vida nos apresenta mais uma lição: a de que nada existe isoladamente.
É como se fizéssemos uma volta desde o nascimento até alcançarmos a individualidade, nos aperfeiçoarmos ao máximo.. e nos encontrarmos no mesmo ponto de antes.
Porém de uma perspectiva oposta, a perspectiva do “você”.

Até Virgem trabalhamos nosso Ser, que agora está pronto para ser mostrado aos outros (Virgem, o útero do Tempo, deu a Luz ao Ser).

Em Libra iniciamos a convivência com outros Seres.
Assim como em Áries nascemos como indivíduos, em Libra nascemos como parceiros, como pessoas que não estão sozinhas e fazem parte de um coletivo.

Em Libra inicia a vida social, mas essa só será completada em Capricórnio, que corresponde ao estado e ao governo.
Libra é vida social mas apenas início dela, um pequeno grupo: o eu e o você.

O pensamento semente para o signo de Libra é “EU ESCOLHO A MANEIRA DE PASSAR ENTRE AS DUAS GRANDES LINHAS DE FORÇA.”

Em sua oitava inferior é “E a palavra disse: que a escolha seja feita.”

Durante o mês de Libra nos empenhamos para que nossa atitude de rejeição com os pequenos acontecimentos que tumultuam nossa paz e o nosso conforto, não aumente.
Podemos lidar com os conflitos e as perturbações utilizando isso tudo como oportunidades de maior crescimento.

Libra é a imagem de uma pequena balança com dois pratos, e no meio um pequeno fiel que deve ficar sempre no centro, enquanto os pratos ficam em perfeito equilíbrio.
Pequenos desvios fazem com que o fiel se mova de um lado para o outro e os pratos balancem.
A energia de Libra é sutil e sensível e se perturba ao menor movimento dos pratos.

Por isso é bom nos mantermos no meio dos acontecimentos, nos identificando com o fiel e não com os pratos.
Em uma posição intermediária situada entre nossa vida interior e os acontecimentos externos, encontramos o equilíbrio, o nosso centro.
Desse centro poderemos reagir de maneira flexível aos acontecimentos, enão mais tão suscetíveis às perturbações, não mais tão contra ou a favor daquela pessoa, mas agora capazes de construir uma ponte de compreensão entre as forças opostas.

Não é uma questão de preto e branco, bem e mal, certo e errado, ou fazer a você exatamente o que você fez para mim.
Isso só leva a um equilíbrio estático que terá de ser corrigido continuamente, como o pêndulo da balança (afinal, se eu fizer a você o que você fez para mim, você fará de novo o que.. e assim vai).

É melhor o equilíbrio dinâmico do que o estático.
O equilíbrio dinâmico é conseguido com o reconhecimento cuidadoso das diferenças e qualidades de todos, da capacidade de discernir e julgar, e ao mesmo tempo permanecer incorruptível no próprio centro, com o fiel da balança.

Libra, como primeiro signo social, é o primeiro que vê a luz do dia.
Faz a transição do inconsciente para o consciente.
Os primeiros seis, de Áries a Virgem, estão na noite, focados no desenvolvimento individual e buscando adquirir conhecimento.

Em Libra, iniciamos a busca pela sabedoria.
O conhecimento é algo material, que nos ajudará a sobreviver e ser eficiente e seguros.

A sabedoria se refere mais a consciência.
O homem sábio compreende tudo, mesmo com pouco conhecimento.
E há um ditado popular que cai bem aqui: “quanto mais se sabe, menos se julga.”

Libra é um signo que tem muita dificuldade para decidir e se comprometer.
Sua tarefa espiritual é aprender a tomar decisões.

Na energia de Libra tomamos uma decisão muito importante.
Temos que decidir se continuamos nosso desenvolvimento na direção da sabedoria ou se voltamos a giramos a roda para trás, em busca de apenas mais conhecimento.
Se vamos para Escorpião enfrentar as crises e o inferno interior ou se voltamos para Virgem a fim de nos aperfeiçoar mais (e continuaremos eternamente nos aperfeiçoando).

A energia de Virgem pode ficar indefinidamente aperfeiçoando o lado material, porque temos que trabalhar para sobreviver e podemos ficar fazendo isso a vida toda, e apenas isso.
Mas a energia de Virgem também tem a vibração da Alma, a vida espiritual que está oculta e protegida pela Virgem Mãe.

Se a roda dos signos continuar a girar para a frente, o caminho levará a Escorpião, onde travaremos as grandes batalhas entre o Ser e a personalidade, entre a natureza celestial e a natureza selvagem, batalhas que serão travadas no inferno do Ser e nos obrigarão a confrontar as piores partes.
Para isso temos que estar preparados e eficientes (Virgem) e seguros daquilo que somos e queremos (Libra).

Por isso,a tomada de decisão durante o mês de Libra é muito importante.
Vamos para Escorpião ou voltamos para Virgem?
Ou vamos ficar perdendo tempo no “olho por olho e dente por dente” da corrida pelo equilíbrio dos pratos da balança?

O símbolo de Libra sugere um progresso contínuo V
É como um pássaro que usa a sua asa direita e sua asa esquerda para progredir.
Usa sua energia positiva e sua energia negativa.
Seu espírito e sua matéria.
OSer continua se movendo sem perder a direção.

O poder da vontade é o centro vertical (o fiel da balança) que carrega o segredo do equilíbrio.

Paz e equilíbrio têm grande afinidade.
A paz, assim como a verdade, não pode ser tocada, e nem trazida por ninguém.

Não podemos adquirir paz, mas podemos estar em paz.
Não podemos comprar verdade, mas podemos ser verdade.

A paz cria um estado de consciência onde são formadas as atividades mais criativas.

Libra é um símbolo de progresso contínuo.
Sua energia impele ao descanso.
Porque Libra não pára nunca, nunca repousa.

O equilíbrio é um estado temporário de aquisição no qual prossegue uma batalha misteriosa para romper sua cristalização.

É mais difícil romper a cristalização do equilíbrio do que alcançá-lo.
A aquisição do equilíbrio é fácil porque há mais Espírito do que Matéria (pesa menos) e facilmente o alcançamos.

Mas, no estado do equilíbrio, as duas forças se igualam, e se isso não for rompido, se cristalizam. Equilíbrio significa usar as duas energias, a positiva e a negativa, o Espírito e a Matéria, enquanto o Ser se move sem perder a direção.

A medida em que avança, o Ser necessita de um novo nível de equilíbrio.

O dançarino com movimentos harmoniosos revela junto a história e o motivo da dança e também o mistério da música.

O equilíbrio não é um fim, um objeto, mas um meio .
O equilíbrio não é o objetivo, é a maneira de continuarmos o movimento.
Quando acontece a cristalização, acontece a queda e a morte.
A vida não pára.
Quando pára, morre.

O equilíbrio é alcançado com a energia da Vontade.
No mês de Libra, devemos desenvolver essa Vontade.

O poder da vontade é o fiel da balança.

A Vontade forte leva ao equilíbrio, que é necessário para a continuação do desenvolvimento do Ser.
Não para ficar indefinidamente tentando se equilibrar ou estaticamente equilibrado (cristalizado).

Com esse desenvolvimento, o equilíbrio passa a ser um hábito, como deve ser, e não um objetivo em si.
Quando cristalizamos, aprisionamos nosso Ser.

Exemplos de equilíbrio são os globos, as estrelas, os sistemas solares, as galáxias, mantidos num estado de equilíbrio através das forças de atração e repulsão (a asa direita e a asa esquerda do pássaro, a energia positiva e a negativa).
Parecem parados, mas estão num estado de intensa atividade.

É nesse estado de equilíbrio que conseguimos lançar o Ser, como a flecha de Sagitário, em direção ao Infinito.
Mas antes passaremos por transformações e aparentes perdas (são perdas ilusórias) em Escorpião.

Libra também representa sensibilidade (a importância do manuseio dos pratos da balança).

Qualquer mudança, seja aumento ou decréscimo, afeta os pratos.
Assim como na química qualquer pequeno aumento ou decréscimo da dosagem de qualquer substância altera a química, ajudando ou impedindo o progresso (em nosso corpo, por exemplo).

A sensibilidade de Libra está relacionada com a ação de dar e receber.
Essa sensibilidade oscila os pratos e controla as ações de dar e receber, mantendo o equilíbrio no fluxo das energias.

Libra é também a ação de avaliar.
Devemos pesar (avaliar) nossas ações e expressões de sentimentos pelos padrões do nível em que nos encontramos.
Isso depende da evolução da pessoa.
Uma pessoa sábia e bastante evoluída avalia seu desempenho baseada na sua visão de futuro, e não pelo seu passado.

No mês que o Sol ilumina Libra, temos uma boa oportunidade para avaliar se estão aumentando ou diminuindo nossa
amizade
coragem
adaptação
sensibilidade
sinceridade
tolerância e
compreensão.

Através dessa avaliação faremos nossas escolhas e conforme o caso tomaremos decisões a respeito de nossa direção na vida.

Os pratos da balança estarão equilibrados quando:
1- estão vazios
2- estão equilibrados por um peso
3- estão vazios novamente

Este estado vazio, o vácuo, é a liberdade.
E só pode ser alcançado quando a pessoa se “esvazia” , renunciando a ilusões, coisas que aparentemente lhe favorecem mas na realidade lhe atrasam.

Podemos interpretar o símbolo da balança de Libra (ou qualquer outro símbolo) de diversas maneiras, infinitas.
As interpretações diferentes não se contradizem.
Porque um símbolo não é apenas uma dimensão, nem é limitado por um dois níveis de evolução, ou por alguns pontos de vista diferentes.
Essa é a beleza e a utilidade do símbolo.
Não podemos padronizar os símbolos, porque estão sempre se aprofundando ou se expandindo, conforme nosso nível de consciência.
Um símbolo compreendido sempre satisfaz a necessidade do nível do nosso Ser e nos mostra um caminho para seguir adiante.

Libra também rege as leis.
E diz o mestre tibetano que a medida em que a energia de Libra se torne mais forte não haverá mais necessidade de ansiedade porque a justiça será estabelecida, e com ela as condições necessárias ao progresso.

Libra, em alto nível, simboliza a mente justa, que pesa a causa e o efeito (quem sabe o carma?) e descobre a correta e melhor solução.

Libra está intimamente relacionado com o sexo.
Através de sua energia os problemas sexuais serão resolvidos harmoniosamente alcançando-se o equilíbrio entre o masculino e o feminino.

A ausência de equilíbrio é o caos.

Libra em alto nível também é a pessoa que não perde seu caminho nem sua direção nem quando o mundo lhe engrandece, nem quando o mundo lhe denuncia, pois habita na segurança do seu próprio Ser.

Vejamos a balança de Libra em outro nível.
Seu equilíbrio poderia resolver três grandes problemas da humanidade: sexo, dinheiro e poluição.

- Sexo: o uso harmonioso das energias sexuais proporciona o equilíbrio entre o masculino e o feminino; as pessoas, sexualmente equilibradas, só teriam filhos se tivessem as necessárias qualificações físicas, emocionais, mentais e espirituais para criá-los e o nascimento seria tratado tal qual é na realidade: uma iniciação.

- Dinheiro: Em uma estabilidade financeira quem sabe com uma única moeda para o planeta, as pessoas seriam pagas conforme as necessidades do seu nível de evolução, e não alguns poucos recebendo dinheiro conforme seus desejos, avidez ou prazer. O dinheiro não é para isso.

- Poluição: Um dos grandes problemas do planeta. As pessoas pensam muito na poluição dos rios, do ar, do solo, dos alimentos. E não se dão conta que essa poluição toda se origina da sujeira existente na nossa natureza física, emocional e mental. A poluição exterior é apenas um reflexo da poluição interior. Não teríamos poluição se não tivéssemos avidez, ganância, ódio, medo ou ira obcecando pessoas no mundo todo. A purificação da Natureza pode ser conseguida através da purificação da nossa própria natureza. Uma é o reflexo da outra, estão sempre em equilíbrio. Os encantos, ilusões e necessidades falsas produzidos pela ganância, medo, ódio, inveja, etc podem ser dissolvidos e purificados com a energia de Libra: o pensamento claro.

Durante o mês de Libra podemos observar se estamos vivendo algum extremo, em algum aspecto de nossa vida.
Se estamos sensíveis demais a algum assunto ou pessoa, podemos tentar ser mais objetivos e tolerantes.

Libra pertence ao Eixo do Encontro, do Eu com o Você.
O Você é o ponto mais distante da mandala astrológica e representa as associações.
Muitas vezes Libra avalia seu parceiro mais pelo que ele pode satisfazer seus desejos e servir seus propósitos, e sua visão fica limitada à exploração do parceiro, não consegue vê-lo como é. Uma relação equilibrada exige a renúncia do egoísmo, da dependência, da espera por gratidão e da manipulação, e ver a pessoa sem preconceitos.
Para um encontro livre e verdadeiro temos que ser desinteressados dando a liberdade ao outro de ser o que é, para que a comunicação e o encontro sejam possíveis.

Quando Libra não está firme busca o próprio Eu no outro, e vive fora do seu Ser.
Vai procurar apoio e segurança nos outros mas só encontrará isso temporariamente e nesse caso só vai aprender a permanecer em si mesmo após muitos desapontamentos e rejeições.
Não deve se prender ao Você, acreditando que não pode viver sem aquela pessoa.
Deve amar com liberdade, fazendo acordos consigo mesmo sendo autêntico, ao invés de tentar se mostrar perfeito.
Deve encontrar seu próprio centro e mantê-lo.
Amar sem ter sua individualidade alterada.
E quando conseguir lidar com seus equilíbrios e desequilíbrios poderá ajudar outras pessoas.

Toda essa luta por libertação se manifestará na batalha do signo de Escorpião.

O Eixo do Encontro é a polaridade entre Áries e Libra.
O problema do relacionamento humano aparece na tensão entre esses dois pontos.
Essa tensão aparece no mês de Libra.
No mês de Áries aparece a autoafirmação.
Apenas após ter desenvolvido a energia de Áries no mapa astral (a autoconsciência e a segurança pessoal) é que podemos desenvolver a energia de Libra (a possibilidade de se sintonizar verdadeira e honestamente com os outros sem alterar nossa individualidade).

Libra tem o dilema da escolha correta.
É o signo da decisão, não porque isso seja fácil para ele, mas porque precisa desenvolver em si mesmo a tomada de decisões.
Ao sair do inconsciente, da noite, como signo que pela primeira vez vê a Luz no ponto mais distante do Ascendente, em Libra temos pela primeira vez a visão de um caminho espiritual e de um objetivo individual de desenvolvimento do Ser.
Passando pelo horizonte ao longo da linha do Ascendente pela primeira vez podemos ver o Eu, olhar para nós mesmos.
Ao mesmo tempo em que iniciamos na vida social interagindo com outros seres, conseguimos uma visão objetiva do nós mesmos.
Isso começa através das projeções mas continua de maneira mais objetiva se dermos a esse assunto alguma atenção.

Provas de Libra:

- Não se deixar influenciar ou corromper ao julgar os outros.
- Não aderir à opinião ou poder do mais forte.
- Não ceder em benefícios de vantagens pessoais ou tendências coletivas da moda do momento.

Ao ser injusto Libra oscila entre a aprovação e a rejeição dos outros, tem enormes conflitos de consciência, sentimentos de culpa e depressão.
Ao escolher o caminho do meio, o ponto de referência é objetivo, a verdade é o fiel da balança entre os dois pratos e Libra fica leve e lindo novamente.

O Sétimo Trabalho de Hércules, “A Captura do Javali” ilustra a energia de Libra, quando temos que lidar com forças opostas de maneira harmoniosa e criativa sem usar a força bruta.

O mês de Libra é uma oportunidade para nos livrar de desequilíbrios, extremos ou excessos. Excelente para fazer as pazes, perdoar, negociar, se explicar, fazer acordos justos, libertar-se da dependência de alguém e libertar o “Eu”.
Para tomar decisões importantes, caso estejamos em condições de usar bem essa energia.

Sugestões para desenvolver a energia de Libra:

1) Equilibre seu peso. Se estiver a mais, diminua, se estiver a menos, aumente.
2) Um exercício de equilíbrio, que mexe com o físico, mental e emocional: coloque no chão um pedaço de pau redondo, como o cabo de uma vassoura. Ande sobre ele com os pés descalços, sem cair. Enquanto estiver se concentrando, ativará seu mental e não dará oportunidade ao seu emocional de ir a algum extremo, enquanto fortalece suas pernas e trabalha o sentido do equilíbrio.
3) Trabalhe sua autoestima. Aumente, se está fraca. Diminua, se estiver excessiva.
4) Procure por alguém com quem você tenha se desentendido e tente entrar num acordo amigável com essa pessoa, usando toda a sua capacidade de compreensão, sinceridade, boa vontade e autoestima.
5) Use seu poder de análise (Libra) para se autoavaliar no tópico “Provas de Libra” descrito nesse texto. Perdoe-se, se não estiver sendo perfeito, mas corrija o que descobrir que está precisando.
6) Como vai sua vida social? Você se despersonalizou na busca de aceitação e está rodopiando pelos eventos sociais? Você chegou a conclusão que basta-se a si mesmo e está perto de virar um eremita? Equilibre isso.
7) Como está sua comunicação? Você realmente ouve o outro enquanto ele fala, ou só escuta, e depois acaba ouvindo só o que quis? Você conclui o que o outro ia dizer, em pensamento, antes que ele tenha terminado de falar? Você se expressa claramente? Você se expressa de alguma maneira?
8) Como vai sua vida afetiva? Você dá e recebe carinho? Você se sente importante para alguém? Alguém é importante para você?

Meditação para Libra:
Sente-se com a coluna ereta e relaxe suas pálpebras e sua respiração, até um ritmo que você considere agradável.
Imagine a superfície de um lago ou oceano muito tranquilo banhado pela luz do Sol, ou da Lua Cheia.
Observe seus pensamentos e deixe-os passarem enquanto você permanece observando, sem julgar nenhum.
Imagine uma bolha de luz cor de rosa que ilumina seu cérebro e todo seu corpo.
Visualize na sua frente,em uma bolha de luz cor de rosa parecida alguém que você amou e perdeu ou alguém de quem você está separado.
Uma corda de luz une os corações de vocês e essa luz representa todas as dificuldades ou toda a dor que aconteceu.
Uma chama rosa muito brilhante nasce em seu coração e queima todas as atitudes problemáticas e as necessidades não preenchidas.
Enquanto a chama vai queimando aquela corda, repita mentalmente: liberte com amor, cure com amor, limpe com amor.
Quando a corda tiver queimado até o fim a luz cor de rosa brilhante se aquece e enche seu coração e você vê a pessoa seguindo seu caminho, enquanto se despede dela com uma prece de cura.

A energia em seu coração se transforma em uma linda flor cor de rosa, bem fechada.
Usando suas mãos (mentalmente) você vai abrindo as pétalas uma a uma enquanto vai dizendo a você mesmo várias declarações de amor tipo “Sou uma pessoa amorosa, amável e amada” ou outras que você inventar.
Faça isso até chegar ao centro da flor.
Das profundezas do seu Ser jorram energias de luzes de lindas cores em abundância.
Do alto, forças cósmicas de luz jorram em correntes e encontram-se no seu interior.
Você permanece observando, com tranquilidade, enquanto lembra do pensamento semente:
“ EU ESCOLHO O CAMINHO QUE SEGUE ENTRE AS DUAS GRANDES LINHAS DE FORÇA. “

Tudo dentro de você é um silêncio sagrado.
Você vê um caminho de luz branca a sua frente, estreito e reto.
No seu final, um portão branco e dourado.
Ele está fechado.
Lentamente você dá um passo na trilha de luz e tenta manter o equilíbrio enquanto avança devagar.
Com os olhos fixos no portão você se equilibra nessa linha reta e estreita de luz branca.
Se for preciso estenda os braços para ajudar.
Ao se aproximar as duas portas do portão se abrem e uma luz clara e brilhante toma conta do ambiente enquanto você prossegue ao encontro de sua Alma.
Após o encontro, traga essa energia para você para o centro do seu Ser, onde antes estava a flor e antes de abrir os olhos pense: “Dou e recebo amor incondicional.”

Namastê.



Nenhum comentário: