...

Precisei colocar a moderação nos comentários por causa de alguns spans que pintaram por aqui.
Você, que não é spam, faça o seu, fique a vontade.
Namastê.

Consagração do ambiente

As previsões feitas nesse blog são gerais, falam do astral do período, não são direcionadas para o indivíduo. Para fazer previsões pessoais, você precisa consultar um(a) astrólogo(a) ou numerólogo(a) e usar seu mapa astral ou numerológico de nascimento. Não estou atendendo consultas até me aposentar, estou em outro trabalho. Faço o blog porque gosto.

O som das Fadas da Noite

segunda-feira, 29 de março de 2010

Regras para ser humano



1-Você receberá um corpo.
Pode gostar dele ou odiá-lo, mas ele será seu durante esta rodada.


2-Você aprenderá lições.
Você está matriculado numa escola informal de período integral chamada vida. A cada dia nesta escola, terá a oportunidade de aprender lições. Você poderá gostar dessas lições ou considerá-las irrelevantes ou estúpidas.


3-Não existem erros, apenas lições.
O crescimento é um processo de tentativa e erro: experimentação.
As experiências que não deram certo fazem parte do processo, assim como as bem-sucedidas.


4-Cada lição será repetida até que seja aprendida.
Cada lição será apresentada a você de diversas maneiras, até que a tenha aprendido. Quando isto ocorrer, poderá passar para a seguinte.


5-O aprendizado nunca termina.
Não existe parte da vida que não contenha lições. Se você está vivo, há lições para aprender.


6- “Lá” não é melhor do que “aqui”.
Quando o seu lá se torna aqui, você simplesmente encontrará outro lá que parecerá novamente melhor do que aqui.


7-Os outros são apenas seus espelhos.
Você não pode amar ou detestar algo em outra pessoa, a menos que isso reflita algo que você ama ou detesta em si mesmo.


8 -O que fizer de sua vida é responsabilidade sua.
Você tem todos os recursos de que necessita; o que fará com eles é de sua responsabilidade. A escolha é sua.


9-As respostas estão dentro de você.
Tudo o que tem a fazer é analisar, ouvir e acreditar.


10-Você se esquecerá de tudo isso.

(do livro “Vivendo no tempo”, Palden Jenkins, Editora Roca)

Namastê.


segunda-feira, 22 de março de 2010

22 e 27 de março, dias do nosso planetinha























Hoje, 22 de março, é o Dia do Planeta Terra, O DIA MUNDIAL DA ÁGUA.
Se quiser mais informações, clique aí para ver “a água que você não vê” http://planetasustentavel.abril.com.br/download/stand2-painel4-agua-virtual.pdf e VEJA como você gosta de água, e como usa mais do que pensa.
Só para refletir, acho que nem precisa comentar..

e


No dia 27 de março próximo está prevista uma manifestação mundial, das 20:30 às 21:30h (horário de Brasília) contra o aquecimento global.

A chamada “Hora do Planeta” é para refletirmos sobre o assunto, e apagar todas as luzes durante o período de 1 hora, promovida pela Organização Não Governamental World Wildlife Found (WWF), Fundo Mundial para a Vida Selvagem. Acontece sempre no último sábado do mês de março, durante 1 hora.

Esse movimento começou em 2007, na Austrália, quando as pessoas apagaram as luzes de suas casas durante 1 hora. Isso para chamar a atenção do maior número possível de gente sobre o perigo do aquecimento do nosso planetinha.
Aos poucos o movimento foi ganhando mais adesões e, nesse ano já está prevista a adesão de mais de 1 bilhão de pessoas, inclusive multinacionais.

O Rio de Janeiro foi a primeira cidade brasileira a apoiar. No ano passado foram apagadas as luzes do Cristo Redentor, Pão de Açúcar, as luzes da orla da praia de Copacabana.

Em 2009, 88 cidades brasileiras participaram.

Em 2010, estão previstos apagarem as luzes também a ponte Octavio Frias de Oliveira, o Viaduto do Chá, o Parque Ibirapuera e outros espaços em São Paulo.

Estão previstos ainda de participarem: a Torre Eiffel, Opera House de Sidney, a Torre de Belém em Portugal, o Castelo de Edimburgo na Escócia, muitas escolas pelo mundo afora e até mesmo grandes empresas da China.

Que tal participar também?
Quem sabe alcançamos a massa crítica..

Namastê.

sábado, 20 de março de 2010

O mês de Áries: eu me manifesto e governo no plano mental


O MÊS DE ÁRIES

O Sol entra em Áries por volta do dia 20 ou 21 de março, todos os anos
Durante esse período, o Sol ilumina nossas capacidades criativas, vontade pessoal e identidade pessoal, aquelas características únicas e especiais de cada um.

Áries, o signo de todos os inícios, do nascimento, do despertar da mente e da consciência, vem mandando muita energia após o mês de Peixes, quando as coisas estavam nebulosas, ao sabor da maré.

A energia de Áries quebra a monotonia e exige uma direção, um objetivo, pois se não for canalizada se espalha sem rumo e cria confusões.

O pensamento semente de Áries é “EU ME MANIFESTO E GOVERNO NO PLANO MENTAL”.
Em sua oitava inferior é “Que se busque novamente a forma”.
Corresponde ao Primeiro Trabalho de Hércules : As Éguas Devoradoras de Homens.

Sua principal característica é a vontade de iniciar e a vontade de se expressar.

Nesse mês estão favorecidas todas as ações mentais, principalmente visando o domínio do pensamento.
Essa energia é muito boa para destruir os obstáculos e liberar a vida para o progresso.

Áries faz parte do triângulo do Fogo:
Áries é o Fogo Cósmico,
Leão o Fogo Solar e
Sagitário é o Fogo da Terra.

Áries é o nascimento.
Nascer não é fácil, exige muita força para romper a casca da semente, do ovo ou sair do útero.
A cada nascimento são necessários poderes de investida e rompimentos de cascas.
Como o pássaro que precisa quebrar a casa do ovo, como a semente que precisa romper também sua casca (e isso pode doer..), assim o Ser durante sua expressão ou renascimento precisa romper barreiras, tirar máscaras, e para não ficar nu, indefeso e exposto, precisa encontrar seu caminho.
Nós sempre precisamos romper uma fronteira quando queremos alcançar níveis mais altos, sejam eles materiais, emocionais, psicológicos ou espirituais.

É necessário que se tenha muita energia para nascer, e não é possível pensar no passado nem no futuro, apenas no presente, no momento do nascer.
Por isso, a força de Áries é necessária.
Sem ela não é possível nascer, não adianta conceber.
Exige concentração total e doação sincera de toda a energia que estiver disponível.
É um trabalho cansativo, e logo após precisamos repousar.

Assim é a energia ariana: vem com toda a força depois cansa, descansa, e volta novamente para iniciar algo novo.
Não pode se dar ao luxo de ficar presa ao passado, cuidar de detalhes e nem planejar o futuro. Precisa estar no hoje, no presente, pois há algo novo começando.

Áries é o início de um ciclo.
No zodíaco, inicia a roda dos signos.
Na Astrologia, marca o início do Ano Novo.

Deve aprender a moderar e canalizar suas forças, para poder progredir.
Seu fogo purificador esclarece as situações e limpa a personalidade.
Dissolve os medos de Peixes e solta seus fardos emocionais, espirituais, ansiedades e preocupações.

Precisa desenvolver um sentido forte do “Eu”.
Em Eu centrado é estável, seguro, resistente e livre de dependências.
Quando se torna consciente de si mesmo, diz “sim” a si mesmo (não para provar nada a ninguém) manifesta-se no mundo como um raio de luz, aquela faísca do fogo que consegue iluminar o ambiente e traz alegria em torno de si.

Quando experimentamos a sensação de ter algum valor e significar algo importante para alguém sentimo-nos livres da pressão do Tu, mostramo-nos como somos, e com tranquilidade.

As pessoas criativas estão em contato com seu coração.

A energia de Áries precisa de um caminho.
Não pode ficar parada pois explode e estraga o ambiente em volta de si, agride os outros, fere sensibilidades até de quem ama.

Áries precisa encontrar seu próprio caminho.
Geralmente um caminho que lhe desafie, provoque, faça com que use a energia física e mental.
Precisa competir, seja com o outro ou consigo mesmo.

Em Áries o pensamento é poderoso.
Muitos Arianos nem se dão conta disso.

Durante o mês de Áries, acontece a Páscoa.
É o chamado Festival da Ressurreição.
Esse Festival é o símbolo de um começo.
Todos vivemos isso em nós mesmos, principalmente quando em contato com a natureza, que está sempre se renovando.
O Despertar da Vida acontece no mês de Áries, principalmente na sua Lua Cheia.

Esse signo de Fogo transmite as energias da Vontade e do Poder pessoal, um princípio que nos leva a manifestar o núcleo central, o Eu.
Nesse núcleo concentrado pulsa o fogo da Vontade, que tem o poder de varrer com grande ímpeto qualquer obstáculo que lhe barre o caminho.

A pessoa de Áries por ser impulsiva, empreendedora e entusiasmada, em situações críticas ou desesperantes demonstra coragem.
Avançam e arrastam outros consigo.
São pioneiros no progresso do mundo e pouco se preocupam com as consequências de seus atos.
Agem primeiro, pensam depois.
Eles tem pressa, querem o sucesso de uma vez só, de um só golpe, gostariam de evitar as etapas da subida.
Gostam de resolver tudo na primeira tentativa.

A Cruz Cardinal da qual faz parte é feita de fases, como a lei da tensão e do relaxamento.
Na primeira fase, toma parte ativa na vida, cheio de entusiasmo, apostando positivamente em suas metas, e depois a energia entra novamente em colapso, é quando Áries necessita de um período de recuperação.
Como a paciência não é seu forte, esse período de recuperação geralmente também é rápido.

Sua força de manifestação faz com que frequentemente vá além de seus próprios objetivos.
Em termos de conquista material isso às vezes pode lhe favorecer.
Mas é frequente o ariano exceder-se, ir longe demais, manter-se dentro de limites (não apenas os seus, mas o dos outros também), e isso poderá lhe causar dificuldade em relacionamentos.

Arianos típicos entram em conflito com qualidades tipo paciência, tato, maneiras, moderação e decoro.
A habilidade em medir suas forças é uma tarefa que lhe ocupará durante toda a vida.

Durante o mês de Áries,temos a oportunidade de trabalhar para romper velhos obstáculos e esclarecer situações indesejáveis.
É o momento de “eliminar o entulho” acumulado em Peixes.

O Ariano que ainda não desenvolveu sua estabilidade interior acaba dependendo muito do ambiente em que está.
Precisa constantemente afirmar seu valor, seu poder, sua importância para os demais.
Qualquer rejeição ou possibilidade dela lhe abate profundamente embora quase nunca deixe isso aparecer, pois odeia admitir qualquer fraqueza em si mesmo.

Já o Ariano amadurecido interiormente (e isso não depende da idade cronológica) continua cheio de energias, mas se afirma com mais tranquilidade, não necessitando tanto criar atritos em torno de si.
Geralmente tem muitos amigos, é benquisto e gosta de prestar favores aos outros.

Para ter sucesso, qualquer um precisa de um Eu resistente.
Não na aparência do Eu, mas na sua essência.
Quando isso falha nos tornamos um brinquedo para o nosso meio ambiente.

Ao contrário, se o Eu é demais expressivo, corre o risco de endurecer, então a forma se fecha e nada flui, nem para dentro nem para fora.
Essa pessoa é escrava de seu próprio Eu, como se estivesse numa prisão, não é acessível ao seu semelhante, e nem a si próprio, não se autoconhece, vive a vida de maneira inconsciente, sujeita a ciclos de bom ou mau humor, e não entende o por quê de tantos obstáculos e dificuldades nos seus relacionamentos.

No mês de Áries é bom aproveitar a energia para derrubar as paredes que erguemos em torno de nós mesmos, com essa falsa autodefesa.

A energia de Áries é apressada, quer chegar primeiro, é competitiva e pioneira.
Muitos arianos acabam ultrapassando os outros principalmente em sua profissão, educação e conhecimento.
Mas existe sempre o perigo da autoestima imoderada e do espírito doentio da competitividade e da luta pelo poder, se a ênfase no Eu for excessiva.
Quando inconsciente, transfere para o mundo exterior essa batalha interna, que deveria se travar contra seus próprios conflitos e confrontar-se consigo próprio.

Em todas as situações é sempre uma ajuda quando conseguimos partir novamente do ponto inicial.

Aqui podemos recomeçar sem cometer os mesmos erros, de uma maneira mais forte e com mais chances de sucesso.

No ponto de partida, é que encontramos o nosso “Ser”.
Em nosso próprio Ser é que temos aquela Fonte inesgotável de energias, é aqui que temos toda a assistência necessária, é aqui que temos as respostas, e não no mundo exterior.
Não adianta procurar lá fora o que temos aqui dentro.
Aqui nossas forças crescem, e somos capazes de eliminar circunstâncias indesejáveis, criando novamente a organização dentro de nós mesmos, organização essa que se projeta para o mundo em forma de sucesso, prosperidade, alcance das metas que nos propomos um dia.

O problema da auto evolução é fundamental na existência humana.
Em termos espirituais, auto evoluir também depende da aquisição de uma correta proporção do Ego, isto é, do estabelecimento de um centro.
Quem não possui, deve construí-lo, e quem o possui em excesso, deve se tornar mais permeável.

Um Ego enfraquecido é um obstáculo na vida, da mesma forma que um Ego inflado.
Portanto, em primeiro lugar, comecemos por adquirir uma autoconsciência segura de nós mesmos.
Disso depende o nosso relacionamento com o meio, conosco mesmos e também com a espiritualidade.

Devemos dizer “sim” a nós mesmos.

O recém-nascido indivíduo de Áries ainda não está formado, está inseguro e é facilmente afetado e atingido por ameaças externas e desconhecidas.
Precisa de um apoio forte por fora e por dentro de si.

Ele construirá um mecanismo de defesa para sua própria proteção.
Isso é natural durante a infância, mas deve ir se rompendo durante a adolescência.
Caso o ariano carregue isso até a maturidade, não terá desenvolvido sua própria identidade.
A um certo do ponto do desenvolvimento a pessoa precisa se libertar de certos constrangimentos da infância, de formas excessivas de defesa e expectativas muito idealistas para que possa, com toda a sinceridade e realismo, ser ela mesma.

Por um longo tempo, acreditamos que devemos defender nossa imagem com unhas e dentes e mostrar apenas o retrato ideal de nós mesmos, para nos proteger de exposições.
Diante do simples fato de alguém perceber alguma fraqueza, nos fechamos.
Os mecanismos de defesa e as formas aparentes do Eu para os outros podem ter sido de grande valor na infância e na adolescência, mas como adultos devemos sacrificá-las, para que nosso Eu verdadeiro consiga se expressar livremente, abrir seu caminho e se completar.
É um processo difícil, mas necessário.

Marte é o regente de Áries, e Mercúrio seu regente esotérico.
Com o auxílio de Mercúrio, Áries consegue estabelecer relacionamentos humanos harmoniosos. Mercúrio é o planeta da mente e das comunicações, cuja tarefa é primeiro pensar e depois falar ou agir, ao contrário de Marte que “atira primeiro para pensar depois”, frequentemente ofendendo pessoas sem nem perceber.

Nos arianos e arianas, a energia guerreira sempre vai prevalecer.
Não importa a sua idade ou sua cultura, ou sua evolução mental e espiritual.
Mas se eles conseguirem desenvolver a energia de Mercúrio, o intelecto, a mente, o pensamento, se tornarão mais fortes, e sua energia será mais poderosa.
Mercúrio acrescenta a Áries a capacidade de discernimento, reconhecer e diferenciar, refletir. Mercúrio é o princípio iluminador na mente de Áries.

Áries é chamado de “o local de nascimento das ideias”.
Através do pensamento criador e criativo apoiamos a nós mesmos e conseguimos trazer as ideias à sua manifestação no mundo externo.
Como o pensamento é poderoso em Áries, é mais importante ainda canalizar essa força, diferenciar o pensamento concreto do pensamento abstrato, com a finalidade de escapar da confusão mental e das tempestades emocionais, comuns desse signo.

A intuição é poderosa aqui também, mas somente para aqueles que conseguem parar um pouco para escutá-la e segui-la.
Do contrário, serão eternos Dom Quixotes indo do nada a lugar nenhum mas sempre em movimento, embora com elevados ideais.

O plano emocional é como uma selva, com suas suscetibilidades, emoções contraditórias (positivas e negativas), seus encantos, redemoinhos, identificações e seduções.

O plano mental é como uma prisão, geralmente construída com as próprias mãos do Ser.
O orgulho, a vaidade, o egoísmo e o isolamento são prisões difíceis de escapar.

O plano físico é uma armadilha, com a falsa impressão de que só existe realmente aquilo que podemos perceber com nossos 5 sentidos e que temos provas “científicas” (também conseguidas por cientistas que se atém aos seus 5 sentidos).
Esquecemos que simples cachorros e gatos têm audição e olfato muito mais desenvolvido que o nosso, que a águia tem uma visão muito mais aprimorada, e que além da faixa que temos a permissão de perceber com nossos maravilhosos 5 sentidos há o desconhecido.

O processo de Ressurreição que se relaciona com Áries, é o fato de passarmos de um nível para o outro, sem destruir nenhum, mas construindo pontes entre um reino e outro (físico, emocional, mental.. aí por diante).
Pontes que nunca perdem de referência o nosso Eu, nosso centro.

Um dia, um grande Rei atacou uma cidade com milhares de seus soldados, mas não conseguiu conquistá-la. Ordenou aos homens que se retirassem. Eles recuaram muitas milhas e Rei sentou em sua tenda, pensando “por que não consegui conquistar essa cidade se tenho um poder militar tão grande?” No teto da tenda, uma aranha tecia sua teia e, com a espada, o Rei cortou a teia. Minutos depois, a mesma aranha recomeçou a tecer e, novamente, o Rei cortou a teia. Enquanto descansava, o Rei notou que a aranha estava recomeçando seu trabalho. Pensou: “se uma aranha tão pequenina pode ser tão perseverante, por que é que EU abandonei meu campo de batalha?” O Rei atacou de novo e conseguiu a vitória.

Da mesma forma vencemos os medos, os ódios e os sentimentos negativos, rompemos obstáculos e dificuldades, através da perseverança.
E em cada estágio de nossa vitória, criamos uma nova cidade com uma cultura melhorada.

No Primeiro Trabalho de Hércules, as éguas devoradoras simbolizam os pensamentos descontrolados.
Eles são tão fortes que vão destruindo tudo pela frente.
Os pensamentos são difíceis de controlar, mas se não conseguirmos, não há vitória.
Na história, Hércules consegue isso com a ajuda de seu amigo, que simboliza a personalidade.
É o primeiro trabalho do herói, para se tornar um imortal.
Sem o domínio dos pensamentos, nada é possível.
E morre a antiga personalidade.

Em cada ser humano existe uma chama, a chama da Vida, conhecida por vários nomes diferentes, mas é a mesma chama.
Essa chama empresta vida a cada célula do corpo físico, a nossa parte emocional e a nossa parte mental também.
É a administradora e distribuidora da energia do fogo em nossa Vida.
Esse fogo não se espalha em nosso corpo físico devido a poluição, ao medo, ciúme, ódio, ciúme, gula, ilusões, mentiras, orgulho, e cada vez que ela é impedida de se manifestar em nosso corpo físico acontecem doenças, pois a química do corpo é alterada.
Quando essa chama não circula no emocional acontece o medo, as sensações negativas e os transtornos emocionais.
Quando é impedida de circular no nosso plano mental, teremos a mente deturpada por ideias falsas, e que funciona como instrumento de destruição.

Em cada plano existe muita beleza.
Se deixarmos que nossa chama se espalhe e circule livremente, estaremos irradiando beleza e amor, para nós mesmos e para os outros.

Quando a energia do Fogo de Áries é liberada, cada chama recebe uma espécie de choque.
Como um convite ou um desafio para sincronizar seu ritmo com o ritmo do seu próprio coração, que é nossa parte mais sábia.
É necessário aprender a sentir seu próprio coração.

A intenção do Festival da Ressurreição em Áries é sincronizar nosso coração com o coração da Mãe Terra, e com o coração Cósmico, fluindo com naturalidade e entrando em harmonia com a Vida.
A Festa da Páscoa em Áries simboliza a possibilidade e a oportunidade de renascer, romper a barreira e iniciar o ciclo novamente, com mais beleza, com mais amor, com mais elegância.

O segredo de Áries é o segredo dos inícios, dos ciclos e das novas oportunidades.

Meditação de Áries:
Sente-se com a coluna ereta, feche os olhos, descanse as mãos sobre as pernas e respire tranquilamente.
Observe sua inspiração e expiração, apenas observe, não tente modificá-la, até que se acalme por si mesma.
Vá para o seu ponto de tranquilidade (só você sabe qual é).
Quando seu corpo físico estiver tranquilo e você estiver apenas observando suas emoções e pensamentos como passageiros sem se envolver com nenhum, apenas deixando que eles passem, concentre suas energias (pode ser na forma de luz, uma luz azul clara seria o ideal) no seu cérebro, e faça com que essa energia se espalhe por todo o corpo.
Faça com que a energia, ou a luz que você chamou, concentre também naquele lugar que você aponta quando diz “eu”, e sinta essa parte em si mesmo, perceba como se sente e como experimenta o seu Eu.
Pense: “Eu Sou. Eu me encontro aqui, agora, nesta sala, neste momento, nesta cadeira.
Na verdade, inegavelmente, eu estou aqui, EU SOU.
Simplesmente estou sendo, é indiscutível: eu sou.
Não posso não ser. Isso é inalterável.
Aí estou eu, e agora estou aqui.
De onde vem essa força, esse poder que faz com que eu me sinta constantemente existente? Quero experimentar o meu Eu, realmente.
Tudo aquilo que me for estranho, inconveniente, que não me pertença, eu rejeito, e recuo com a força da minha vontade, para a periferia da minha vida.
Meu poder de resistência cresce, e me defendo contra pensamentos falsos de medo, desânimo, ódio ou vaidade.
E sou forte no meu próprio centro.”
Agora a luz dentro de mim se amplia iluminando corpo todo e até mesmo o ambiente em que estou.
Ainda de olhos fechados, vejo uma porta a minha frente, me aproximo dela e sei que devo atravessá-la para abandonar as limitações do meu Eu.
Abro a porta e vejo a luz clara do dia, vejo um lindo horizonte, e me apresento ao mundo exatamente como sou.
Livre de medos, ódios ou dúvidas, eu me abro e deixo que a luz e o amor que existem em mim e no mundo fluam e se misturem.
Inspiro profundamente e medito sobre o pensamento semente de Áries: EU ME MANIFESTO E GOVERNO NO PLANO MENTAL.


Namastê.

quarta-feira, 17 de março de 2010

O Signo de ÁRIES


Áries pertence ao elemento Fogo e à qualidade Cardinal.
Os signos de qualidades Cardinais iniciam as estações do ano.
No hemisfério Sul (onde estamos): Áries o Outono, Câncer o Inverno, Libra a Primavera e Capricórnio o Verão.
No hemisfério Norte, ao contrário: Áries a Primavera, Câncer o Verão, Libra o Outono e Capricórnio o Inverno.

A qualidade Cardinal confere ao signo a iniciativa, eles não necessitam de estímulos externos para agir, não precisam ser provocados, pois eles mesmos provocam as ações. No caso de Áries, a ação é sempre pessoal, com um tom de imposição do Eu, auto-afirmação.

O Fogo de Áries é forte e rápido. É a faísca da primeira chama (que vai se manter lá em Leão). Pode até ser uma grande explosão, mas é momentânea. Porque a qualidade Cardinal não continua as coisas, apenas as inicia. Mas pode ser uma tocha que ilumina seu caminho.

Tudo em Áries é muito rápido. Fala rápido, anda rápido, pensa rápido.. Parece que está sempre com pressa, e tem pouca paciência, quer tudo prá ontem.

Áries simboliza, na roda dos signos, o início ou o despertar.
Por isso tem que ser tão forte e tão rápido: o primeiro impulso de tudo tem que ter força para chegar até a próxima etapa (no nosso caso, chegar até Touro).

Por ser o início, Áries está ligado à Criança. Não às crianças em geral (isso está mais para Leão), mas à nossa Criança interior, nossa parte infantil, impulsiva, divertida, braba, desafiadora, ousada e atrevida, que adora uma aventura e tudo o que é novidade.

Arianos são como crianças, parece que nunca crescem. Passam os anos, e Áries continua provocador, e já com seus cabelos brancos, se atreve a fazer ou dizer coisas que Capricórnio, por exemplo jamais ousaria. De repente, lá por seus 50 ou 60 anos, pode ser que decida começar algo novo (mais uma vez...), e lá se vai, abrindo seu caminho a marretadas..

Para continuar seus projetos, Áries precisa aprender um pouco de disciplina e ir até o fim naquilo que faz, não desanimar nos primeiros obstáculos. Ou então precisa estar sempre por perto de pessoas firmes, tipo Touro, Capricórnio, Escorpião, Leão.. Mas ele certamente não se preocupa muito com isso. Assim como desanima, logo está empolgado com outra idéia e lá vai ele novamente.

Para Áries, é difícil amadurecer. Quando percebe que já está com 30 ou 40 anos, se sente muito pressionado (pois a vida pode estar exigindo de si um comportamento mais maduro) mas Áries vai continuar sendo essa criança enquanto estiver passeando por esse planeta. Tem o dom de ser mais infantil que seus próprios netos. E geralmente se dá bem com as crianças, pois ambos falam a mesma linguagem.

É um signo de movimento, não suporta ficar muito tempo parado. Como um adolescente lutando para crescer e por causa de sua inexperiência e do desconhecido, Áries tem medo (mas nunca vai confessar isso), pois é Áries que vai em frente assim mesmo (simplesmente não dá prá parar nem prá voltar). Com uma mistura de medo e expectativa, Áries vai levando a vida com um pouco de instabilidade e confusão emocional, uma grande sensibilidade (as crianças são sensíveis) vestida de ousadia, ou arrogância.

Pode ser que tenha crises de solidão, mas o que fazer com aquele medo terrível de assumir um compromisso??

É muito independente, mas frágil. Um romântico, que ama mais o amor do que a pessoa amada, porque tudo (inclusive o amor) está centrado em si mesmo. Idealiza metas grandiosas que, para alcançar, vai precisar de disciplina e tolerância às frustrações (?). Desconhece o perigo e se entedia com as calmarias da vida. Fica muito impaciente e agressivo logo nos primeiros obstáculos, choca as pessoas, mas lá no seu mundinho secreto morre de medo do dentista (dentista são relacionados com Capricórnio). Odeia conselhos, mesmo quando precisa deles. Por isso, é muito comum entrar em conflitos. Áries não se importa muito com o que a sociedade espera de si, mas com o que ele mesmo acha que quer ou deve ser.

Arianos são alegres, cordiais, apertam a mão com firmeza, gostam de se empenhar ferozmente em alguma causa idealista, brigam com guardas de trânsito, falam em voz alta e vão sempre direto ao assunto. Quando têm alguma idéia importante, precisam lhe telefonar as 4 da manhã sem a menor cerimônia, porque afinal, se eles podem estar acordados naquele momento, você também pode.
Se querem algo, vão buscar, sem rodeios. Sua inocência e infantilidade suaviza a sua agressividade.

É muito difícil resistir a um bebê, pois ele não tem a menor idéia de que possa estar incomodando alguém.

Gosta de criar sonhos fantásticos, mas se mostra exatamente como é, sem nada oculto ou complicado. Quando alguém mais forte ou mais maduro esbarra no seu caminho, ele reage exatamente como um bebê: berra, reclama e xinga muito, faz tanto barulho que a maioria desse tipo se afasta mesmo. Ás vezes surpreende as pessoas, pois é alguém barulhento e quando acontece uma crise realmente grave, o ariano(a) consegue resolvê-la de uma maneira até suave.

Gostam de olhar nos olhos.
Preferem morrer a serem apanhados em alguma fraqueza. Se tiverem que chorar, se escondem.
Ficam muito surpreendidos e magoados quando você lembra alguma grosseria que disseram sem querer. Áries é capaz de pedir desculpas ao seu pior inimigo por ameaças que tenha feito quando tomado por forte emoção, pois sabe que às vezes se passa dos limites mesmo. Raramente se zanga de verdade. O que acontece são explosões de mau humor que Áries tem certeza que a outra pessoa está entendendo.. não é nada pessoal..

Não tem sutileza, tato e nem humildade. Mas geralmente não são falsos nem desonestos com as pessoas.
São otimistas e alegres, divertidos, mas só aprendem a humildade depois de muitos fracassos e dores.

Quando alcançam o sucesso, geralmente é tremendo e impressionante.
Mesmo com sua audácia chocante, consegue ser elegante e impessoal, quando quer.
Gosta de deixar os detalhes para os outros (a menos que tenha muito do signo de Virgem ou Capricórnio no seu mapa).
Mas gostam de prestar favores, e geralmente são amigos dos mendigos e dos Reis. Se adaptam facilmente a locais e pessoas novos porque jogam com facilidade no lixo o passado e seguem em frente a toda velocidade.

Áries, o EU, é o oposto complementar de Libra, o NÓS.
Enquanto Áries pensa em si mesmo, Libra pensa no relacionamento. Por isso, diz-se que Libra é o par perfeito para Áries. Porque as atitudes librianas conquistam e seduzem Áries. Libra primeiro conversa, ouve Áries até ele desabafar toda a sua raiva, depois não lhe dá conselhos, mas sugestões, com toda a paciência, enquanto procura alguma forma de tornar a situação mais agradável, e quando Áries percebe, já está se sentindo bem novamente, relaxou, está rindo alto novamente, nem percebe que acabou cedendo para Libra, mas ficou com a impressão de ter sempre estado no comando. É ou não o par ideal?

Áries é forte e gosta de demonstrar e afirmar sua força. Adora matar o dragão, receber a medalha de herói, e depois entrega-la para a princesa indefesa (afinal, se não fosse a coragem dele, a princesa teria morrido mesmo..)

Áries pode ser muito popular e benquisto por toda a vizinhança e colegas de trabalho ou estudo. Se for do tipo mais furioso, será odiado com todas as forças. Mas dificilmente vai passar despercebido, é muito barulhento para isso.

No trabalho, gosta de coisas novas, difíceis e que lhe desafiem. Odeia a rotina e o chefe. As regras da firma então.. ele faz questão de quebrar uma por uma. Mas se receber elogios e sua capacidade heróica for reconhecida, ele se desdobra em mil e faz além das expectativas. Gosta de receber a tarefa e entregar o trabalho, sem ser cobrado. Por isso, deve procurar ocupações que lhe dêem bastante liberdade, o máximo possível. O problema é que para Áries ser dono de seu próprio negócio, deve ter persistência e resistência, coisa que lhe falta. Por isso, é melhor que Áries tenha um emprego formal que lhe garanta o sustento, mas lhe possibilite criar, inovar, andar pela rua, ver paisagens diferentes, e ficar bastante ocupado. Coloque-o em uma escrivaninha arquivando documentos e verá Áries rabugento e deprimido, suas forças sumindo até que ele exploda, ou se conforme (e não sorria mais). Não tem problema nenhum em assumir o papel de líder. O problema é quando ele não é o líder.

Nos relacionamentos, adora fazer surpresas, é divertido, bem humorado, carinhoso.
Seu ponto fraco é o amor.
Quando se apaixona, Áries fica doido. Primeiro, porque se considera simplesmente o proprietário da pessoa. Depois, porque acaba ficando dependente como ficaria uma criança mesmo. Seu fogo se aceso não dá chance para a pessoa viver mais nada além do relacionamento. Ri, brinca, faz piruetas, a vida se torna linda quando Áries se apaixona. É ardente, não faz rodeios nem usa de subterfúgios, bota sua masculinidade ou feminilidade na testa e persegue a aventura de estar vivo com paixão. Seus sentimentos se inflamam muito rápido e é impossível para ele mesmo ou para quem estiver próximo não tomar conhecimento do que está sentindo. Se acontecer alguma dificuldade, clareia o ar rapidamente. Se agarra no seu amor obsessivamente, não se importando com qualquer obstáculo, inventando algo novo a cada dia, e se o relacionamento continuar, perde o medo da intimidade e passa a querer compartilhar sua vida. Gosta de competir um pouco com a pessoa e quer sempre vencer. Gosta de exclusividade. Se entrega total e sinceramente ao seu amor, assume quaisquer riscos. Gosta de ação em tudo na vida, e no amor principalmente. Cresce a cada nova experiência e vive o aqui e agora. Dizer que é idealista no amor é pouco. Seu amado, ou sua amada, vai direto para o pedestal mais histérico e colorido que ele possa imaginar. Gosta de cuidar da pessoa, de se sentir importante, forte e necessário. Mas se a pessoa ficar muito dependente, enjoa, porque o único que pode ficar muito dependente é Áries. Para Áries, seu amor é a única pessoa do mundo, quando se apaixona. Ama as pessoas vibrantes, espertas, exitantes, provocantes e que de preferência tenham algo de novo, diferente ou exclusivo. Gosta de uma boa briga, seu sangue ferve.. mas Áries tem que vencer, não consegue nem imaginar diferente. Procura conflitos até quando está dormindo, porque não suporta que o relacionamento caia na rotina. Mas como tudo passa rápido, o melhor de tudo são as reconciliações apaixonadas. Se a pessoa topar suas aventuras, é o par perfeito, e Áries nunca mais vai se separar. Mas quando o amor acaba, Áries encontra pretextos bobos para discutir e brigar até que o relacionamento se torne insuportável. Se não dominar o lar, provavelmente sairá dele.

A questão básica de Áries é sua identidade pessoal. A energia de Áries ainda não é, almeja vir a ser. “ Os últimos serão os primeiros “ não funciona nesse signo. Ele tem medo de ser o último. O signo anterior a Áries é Peixes, o caos, o não-ser, a desintegração. A semente ariana ainda sente os reflexos desse caos e, talvez por isso, tenha tanta pressa em fugir dali.
Os atos heróicos, espalhafatosos, a vida exaltada, serve de escudo e proteção contra o medo de não-ser, que lhe parece aterrador. Defende suas verdades com tanta certeza e audácia somente comparáveis às suas dúvidas, inseguranças e incertezas.

O nascimento é um simbolismo de Áries. Nenhum outro processo biológico é tão forte e imediato quanto o nascimento. É a energia do aqui e agora, do tudo ou nada, não há caminho de volta e o futuro é incerto. Sua ânsia de viver tem por pano de fundo o medo de morrer, ou de se dissolver.

A impaciência, arrogância, impulsividade, agressividade, competitividade são forças da energia do iniciar, nascer, despertar.

As mulheres de Áries são mães que procuram tornar seus filhos independentes desde cedo. Elas adoram brincar com eles, pois são crianças também. Mas o mundo lá fora está sempre lhe desafiando, e para elas é terrível enfrentar uma pia cheia de louças. Também não têm paciência com seu ciclo menstrual, e para elas a menopausa é um alívio.
Os homens de Áries não têm paciência com mulheres frágeis, pois competem até mesmo com o arquétipo feminino.
As crianças de Áries procuram ficar independentes bem cedo, mas gostam de continuar a vida inteira com paparicos.

Não são bons ouvintes, porque enquanto estão escutando, já estão pensando na resposta que vão dar, em vez de prestar atenção no conteúdo do que está sendo dito. Pensar antes de falar pode ser uma missão impossível.
Mas têm força mental, e quando querem, aprendem rápido. Adoram desafios intelectuais.

Áries poderá ter alguma dificuldade nos seus relacionamentos, principalmente os amorosos por causa de sua dificuldade em se conectar com as necessidades afetivas do outro. Fica tão ocupado consigo mesmo, que ás vezes nem percebe que deixou o outro mal. O mito do amor é mais interessante que o amor em si. É lindo se lançar em uma conquista, namorar o amor, numa espécie de autocombustão, mas o cotidiano.. demora bastante até Áries se acomodar. Ao oferecer sua paixão e devotamento Áries espera reconhecimento integral, se o merecedor (ou a vítima) de tão intenso sentimento ousar desconhecer ou não corresponder, corre o risco sério de provocar sua ira, sua sombra despótica, dominadora e autoritária.

Um dos maiores dons de Áries é a capacidade de despertar alegria e entusiasmo naqueles que lhe rodeiam.

Nas profissões, Áries se relaciona com os policiais, soldados, atiradores, trabalhadores que usam ferro ou aço, dentistas, açougueiros, barbeiros, cozinheiros, todos que trabalham com fogo, armas, objetos cortantes, ferramentas, ferro ou aço. Os antigos guerreiros que corriam com seus cavalos e lanças, ou os modernos executivos que correm com seus carros e lap tops. Em qualquer profissão que escolher, Áries quer ter espaço prá ser o primeiro, liderar ou se destacar de alguma maneira importante. Também são bons estrategistas e planejadores, por sua força mental. A publicidade e as relações públicas também lhe atraem, por causa do movimento constante.

Seu dinheiro ele ganha e gasta. Odeia fazer poupança, gosta de gastar e de conquistar sempre mais. Mas prefere gastar consigo mesmo do que com outras coisas ou pessoas.

Marte está relacionado com as formas pontiagudas, retas e finas, e com ângulos fechados, com a cor vermelha e os ácidos.

As partes do corpo relacionadas são a cabeça, a testa, o nariz, o órgão sexual, a vesícula, os rins, tendões e o sistema muscular.
As doenças são todas as relacionadas com a cabeça, desde dor de cabeça, conjuntivite, dor de dente, epilepsia, dor de ouvido, etc, bem como as doenças que aparecem de repente tipo febres altas, pancadas, acidentes, cortes ou queimaduras, as doenças violentas ou agudas.
Arianos não suportam hospitais e muitos tratamentos de saúde, acham que seu corpo deve funcionar bem por si mesmo e não lhe dar muito trabalho. Geralmente são fortes e resistentes. Mas essas características podem aumentar ou diminuir conforme a força do Sol no mapa, a posição da Lua ou do Ascendente, ou ainda de Marte.

Se você tem o Sol, Ascendente, a Lua, Mercúrio ou algum planeta em ângulos importantes no signo de Áries, poderá se identificar com essas características.
Caso não tenha nenhum planeta em Áries, lembre que todos nós temos os 12 signos em nosso mapa astral. Áries estará em alguma casa de seu mapa, bem como todos os outros signos.
Na casa que Áries está no mapa, tudo é rápido e forte, e tem muitas das qualidades e defeitos desse signo.

Áries precisa trabalhar:
1) Conquistar um sentimento de paciência
2) Persistência, ir até o fim. Tente ler um livro desde o início sem olhar o final antes.
3) Disciplina mental: estabelecer metas e cumpri-las
4) Identificar padrões de competição negativa nos seus relacionamentos e mudar.
5) Controlar sua impulsividade (só um pouquinho). Imagine situações de sua vida em que a impulsividade lhe trouxe consequências negativas, vale a pena tentar.
6)Ter mais confiança em si mesmo. Dessa maneira não vai precisar provar ao mundo o quanto é importante, essa certeza dentro de si mesmo vai lhe acalmar.

Para desenvolver mais a energia de Áries, ou para arianos se reenergizarem:
1- O Fogo é seu elemento. Procure calor, claridade, sol, luz natural, luz de velas. Acenda a lareira, cozinhe no fogão, faça uma fogueira de São João ou no Dia das Bruxas.
2- Pratique tiro ao alvo (pode ser com flechinhas de brinquedo) Isso focaliza a energia e ajuda na concentração mental.
3- Pratique alguma arte marcial. Estará exercitando espírito guerreiro de Áries e praticando a humildade, presente em todas as lutas.
4- A predominância de qualidades masculinas faz com que muitas vezes a ternura e a sensibilidade murchem. Aprenda a costurar, bordar, etc, fazer algumas tarefas consideradas femininas de vez em quando.
5- Faça muito exercício físico. Seja na academia, seja no parque, ou faça uma faxina geral na casa, mexa o corpo. O Deus Marte precisa descarregar sempre, senão fica neurótico e doente.

Namastê.

terça-feira, 16 de março de 2010

O Essencial


Contei meus anos e descobri que terei menos tempo
para viver daqui para a frente do que já vivi até agora.
Tenho muito mais passado do que futuro.

Sinto-me como aquele menino que ganhou uma bacia de jabuticabas.
As primeiras, ele chupou displicente,
mas percebendo que faltam poucas, rói o caroço.

Já não tenho tempo para lidar com mediocridades.
Não quero estar em reuniões onde desfilam egos inflados.

Inquieto-me com invejosos tentando destruir quem eles admiram,
cobiçando seus lugares, talentos e sorte.
Já não tenho tempo para conversas intermináveis,
para discutir assuntos inúteis sobre vidas alheias que nem fazem parte da
minha.
Já não tenho tempo para administrar melindres de pessoas,
que apesar da idade cronológica, são imaturos.
Detesto fazer acareação de desafetos que brigaram
pelo majestoso cargo de secretário geral do coral.
As pessoas não debatem conteúdos, apenas os rótulos.
Meu tempo tornou-se escasso para debater rótulos, quero a essência, minha alma
tem pressa...


Sem muitas jabuticabas na bacia, quero viver ao lado de gente humana, muito
humana,
que sabe rir de seus tropeços, não se encanta com triunfos,
não se considera eleita antes da hora, não foge de sua mortalidade...
Só há que caminhar perto de coisas e pessoas de verdade.
O essencial faz a vida valer a pena.
E para mim, basta o essencial!



(Mário de Andrade – Escritor poeta modernista do Brasil, 1893 -1945)

Namastê.

quarta-feira, 10 de março de 2010

Feliz Ano Novo Astrológico



Astrologicamente, estamos vivendo os últimos dia do ano.

O Ano Novo Astrológico inicia em 20 de março de 2010, as 14:31horas, sábado, quando o Sol entra no grau Zero de Áries.

Seguindo a regência dos mapas do céu, estamos nos despedindo de um Ano de Marte para ingressar em um Ano da Lua.

Nos últimos 3 meses (dezembro, janeiro e fevereiro) nossas conquistas e fracassos ficaram bastante visíveis e tivemos a oportunidade de refletir, festejar a mudança do calendário e depois repousar (os meses de ritmo de férias). Principalmente no último mês, durante signo de Peixes, as energias se reciclam, como um caminhão em movimento acomodando uma carga de melancias (não pode cair nenhuma na estrada). Se misturam as energias do ano anterior e do ano futuro. Como se Marte entregasse a coroa à Lua, o regente do próximo ciclo. Como se Marte desse seus últimos suspiros enquanto a Lua nascendo começasse a respirar.

Seja bem vinda dona Lua, Rainha da Noite, do invisível, da sensibilidade, da energia feminina, das fantasias, dos sonhos, da intuição, das emoções todas, que reina na família, nas crianças, nas mulheres, na memória, na sensibilidade de cada um.

Que o seu reinado seja tranquilo e seguro como o signo que você estará (Touro) e carinhoso, gentil e animado como a casa que você estará ocupando (a casa das amizades por afinidade, a 11). Que quando você reinar em Gêmeos traga pensamentos e comunicações positivas, elevadas, inteligentes, divertidas e versáteis.

Não festejamos o Ano Astrológico da mesma maneira como festejamos a mudança de calendário.

Apenas prestamos atenção da mudança de ritmo e fluimos junto.
Alguns fazem rituais, poucos fazem alguma celebração parecida com aquela mais conhecida, alguns fazem preces ou alguma outra coisa especial.
Provavelmente muita gente ignora essa passagem, porque não se interessa por esses assuntos. Mas não é para esses que escrevo essas palavras. Desejo um Feliz Ano Novo Astrológico para estes também, mas não me importo em converter ninguém.

Que o Ano do Guerreiro Marte tenha trazido conquistas, e que tenhamos aprendido com as frustrações daquilo que não conseguimos, ou que perdemos.
Que o Ano da Deusa da Noite nos traga um pouco de paz, que o mundo se sensibilize um pouco mais, que a energia feminina faça a diferença, para melhor.

Namastê.

domingo, 7 de março de 2010

Dia da Mulher ll



Uma jovem esposa estava sentada num sofá, num lindo dia, bebericando chá gelado durante uma visita à sua mãe.

Ao conversarem sobre casamento, as responsabilidades da vida, as obrigações de uma vida adulta, a mãe remexia pensativamente nos cubos de gelo e lançou um olhar claro e sóbrio para a sua filha.

- Nunca de esqueças das AMIGAS, aconselhou! Serão importantes à medida em que envelheceres. Independentemente do quanto ames o teu marido, dos filhos que porventura venham a ter, sempre precisarás de AMIGAS. Lembra, ocasionalmente, de saíres com elas, de lhes telefonares. Lembra-te das tuas amigas, filhas e também todas as tuas demais parentes. Precisarás de outras mulheres.

- Que estranho conselho! pensou a jovem. Acabo de ingressar no mundo dos casados! Sou adulta. Com certeza que o meu marido e a família que iniciaremos serão tudo o que necessito para dar sentido à minha vida!

Mesmo duvidando, ela obedeceu à mãe. Manteve contato com as amigas e foi se relacionando sempre com elas.

A medida em que os anos passavam ela foi compreendendo que a mãe sabia do que falava...

A medida em que o tempo e a natureza realizam mudanças e mistérios na mulher, AMIGAS são baluartes da vida.

Na casa dos 50, eis o que aprendi:
O tempo passa...
A vida acontece...
A distância separa...
As crianças crescem...
Os empregos vão e vêm...
O amor fica mais brando ou vai-se embora...
Os homens não nos reconhecem como deviam fazer...
O coração se estilhaça...
Os pais morrem...
As carreiras terminam...

Mas as AMIGAS estão lá.
Não importa quanto tempo decorreu, nem quantos quilômetros estão entre nós.
Há sempre uma amiga ao alcance de uma necessidade, para nos ajudar, intervindo a nosso favor.
Amigas, filhas, irmãs, avós, noras, tias, primas, sobrinhas.. há um momento em que somos só mulheres com uma linguagem comum.

Quando iniciamos essa aventura chamada CONDIÇÃO FEMININA não sabíamos nas incríveis alegrias e tristezas que nos esperavam. Nem sabíamos o quanto precisaríamos umas das outras.

Muito obrigada a todas as minhas amigas.

(recebi por e.mail, contribuição da minha amiga Graça)

Namastê.